28/01/2023

Office Address

123/A, Miranda City Likaoli
Prikano, Dope

Phone Number

+0989 7876 9865 9

+(090) 8765 86543 85

Email Address

info@example.com

example.mail@hum.com

Brasil

Deputado critica campanha internacional que desafia Papa ao veganismo

Deputado critica campanha internacional que desafia Papa ao veganismo

 

Grande defensor dos produtores rurais, o deputado federal paranaense Sérgio Souza (MDB) criticou a campanha internacional que chama o Papa Francisco a ser vegano durante a Quaresma. Católico praticamente, o parlamentar chamou a investida de “militância política” pelo veganismo.

A campanha oferece ao chefe da Igreja Católica US$ 1 milhão para que ofereça a alguma instituição indicada por ele, caso adote a prática do veganismo durante os 40 dias da Quaresma. O período antecede a Páscoa cristã e, nele, católicos costumam fazer “sacrifícios” nas práticas cotidianas.

Na tribuna da Câmara dos Deputados, Sérgio Souza lembrou que o Brasil é o maior exportador de carne bovina do planeta, o segundo maior produtor mundial. “O valor bruto da produção agropecuária do Brasil chega perto de R$ 600 bilhões, sendo que R$ 200 bilhões advém da pecuária”, informou.

Campanha pela produção
Sérgio Souza divulgou, ainda, estimativas sobre o cenário do planeta para um futuro próximo. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), o mundo consumirá 50% a mais de alimento até 2050. “O Brasil terá a responsabilidade de produzir a metade disso. Não sou contra o veganismo ou qualquer ativismo para uma alimentação mais saudável. Mas sou contra campanhas como essa, que faz um desafio, até mesmo imoral, ao chefe da Igreja”, afirmou.

No Brasil, país que hoje passa por momento delicado na questão do desemprego, 50% dos postos de trabalho são gerados ou estão ligados de forma direta ou indireta ao agro. “Temos, sim, de fazer campanhas mais propositivas à produção de alimentos e à geração de emprego. Isso realmente importa”, finalizou.

About Author

Redação

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *