Município programa a entrega de três obras nos próximos dias em Londrina

0
Share

A população londrinense está prestes a receber mais três obras executadas pela Prefeitura, que dá continuidade ao processo de revitalização e aprimoramento de espaços públicos e áreas de lazer da cidade, atendendo diferentes regiões. Nos próximos dias, a expectativa é entregar a reforma do ginásio do Centro Esportivo Maria Cecília e a construção do novo campo de futebol do Luiz de Sá, ambos na região norte. E, em um dos cartões postais de Londrina, está sendo finalizada a revitalização do Lago Igapó 2, que vem recebendo uma série de melhorias.

Essas três obras públicas, além da construção da trincheira com túnel entre as avenidas Rio Branco e Leste-Oeste, foram vistoriadas nesta terça-feira (22). Os secretários municipais de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, Marcelo Canhada; de Gestão Pública, Fábio Cavazzoti; e de Obras e Pavimentação, João Verçosa, acompanharam as fiscalizações juntamente com engenheiros do Município e das empresas contratadas. Na programação, também estiveram presentes os presidentes da Fundação de Esportes (FEL), Marcelo Oguido, e da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), Marcelo Cortez.

Foto: Vivian Honorato / N.Com

No campo de futebol do Conjunto Luiz de Sá, o secretário Marcelo Canhada destacou a relevância do projeto que está praticamente pronto. “Esta é uma obra de qualidade e muito bonita que irá valorizar o bairro, beneficiando a população do entorno. As pessoas aqui adoram futebol e aguardavam pelas melhorias há muitos anos. Existe um time de futebol tradicional aqui na região, que disputa vários campeonatos, era um sonho dos moradores que está se concretizando. Há alguns detalhes a serem concluídos e uma parte da grama que precisa aguardar mais uns dias para a liberação de atividades esportivas. Queremos fazer o lançamento, em breve, com um jogo ou torneio de futebol que possa envolver a comunidade local. Essa é mais uma área que a Prefeitura recupera e devolve à população com mais atrativos”, enfatizou.

Localizado na rua Matilde Alves Sposito, s/n, este campo existe faz cerca de 40 anos e agora faz parte de um espaço esportivo que ganhou uma arquibancada nova em concreto para cerca de mil pessoas, alambrado, novas calçadas e passagens internas, bancos e uma minipraça, além de pintura geral, iluminação moderna em LED e todas as melhorias necessárias no gramado e seus elementos. Mais de 90% dos trabalhos estão executados. O investimento total ultrapassa os R$ 430 mil e as obras estão sendo feitas pela Construtora Regioli LTDA.

Foto: Vivian Honorato / N.Com

Ginásio do Maria Cecília – Também na região norte, houve visita ao ginásio do Centro Esportivo Maria Cecília, que foi totalmente reformado e será entregue mais seguro, acessível e confortável para seus frequentadores. Os serviços previstos no contrato foram todos executados, e pequenos detalhes estão sendo concluídos para a liberação do espaço.

No local, o presidente da FEL, Marcelo Oguido, comentou sobre as obras. Segundo ele, estão sendo feitos alguns arremates finais, sendo que a empresa cumpriu tudo o que estava acordado, respeitando o projeto. “O trabalho é muito bacana e estamos satisfeitos em ver o ginásio restaurado, de cara nova, pronto para ser reativado. O complexo do Maria Cecília já havia recebido várias melhorias da Prefeitura na parte externa e agora estamos concluindo a última etapa da revitalização. É um local importante para os moradores da região, e com a entrega vamos alinhar novos projetos esportivos a serem desenvolvidos e dar continuidade àqueles já existentes. Para o esporte, contar com uma estrutura adequada e de qualidade em quadras, campos, ginásios ou outros espaços é essencial e faz a diferença na formação das crianças e jovens, além de tornar o lazer mais agradável”, analisou.

Com investimento de R$ 315 mil, aproximadamente, o ginásio recebeu uma série de melhorias e adequações. Os trabalhos contemplaram a quadra poliesportiva com nova pintura e correções no piso, arquibancadas pintadas, banheiros reformados, instalações elétricas e hidráulicas foram renovadas. Além disso, o local recebeu nova iluminação em LED e a reforma ainda contemplou demolições de pisos e paredes, readequação de guarda-corpos e corrimãos, troca de vidros, janelas, portões e esquadrias metálicas.

Foto: Vivian Honorato / Ncom

Lago Igapó 2 – Um dos cartões postais de Londrina, a região do Lago Igapó 2 também ganha as últimas melhorias do processo de revitalização feito pela Prefeitura neste local. Todo o entorno do Lago 2 foi trabalhado para trazer mais conforto, segurança e acessibilidade ao público que pratica esportes e utiliza este espaço para o lazer. A revitalização do Lago Igapó 2 engloba melhorias nas vias Bento Munhoz da Rocha Neto e Professor Joaquim de Matos Barreto, desde a avenida Higienópolis até as avenidas Maringá e Ayrton Senna. O investimento total é de cerca de R$ 1 milhão.

Nas obras, restam apenas acabamentos de mobiliários urbanos por parte da empresa Gaissler Moreira Engenharia Civil, que conta com apoio da CMTU para concluir a parte de sinalização e demarcações. Antes, o entorno do lago já havia recebido a instalação das novas estruturas de floreiras, nas áreas de passeio para pedestres, recuperações em trechos de pista, readequações em calçadas e sistema de drenagem, meio-fio e outras estruturas.

Foto: Vivian Honorato / N.Com

Segundo o secretário de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, Marcelo Canhada, a obra é mais uma ação importante para a cidade, integrando a restauração de várias áreas de abrangência do Lago Igapó. “O Lago 2 é um atrativo de Londrina para nossa população e os visitantes. Já havíamos feito antes, por exemplo, a revitalização da avenida Ayrton Senna, com recomposição de asfalto e alteração de circunferência das rotatórias para melhorar o fluxo de trânsito, entre outros trabalhos em diferentes áreas. Pretendemos agora replicar o projeto do Lago 2 no Aterro do Igapó, que ganhará calçadas novas, ciclovia, floreiras, iluminação em LED e correções onde for necessário, para deixar este local ainda mais acessível e bonito”, informou.

Rio Branco x Leste-Oeste – Em andamento, as obras de construção de uma trincheira com túnel na rotatória entre as avenidas Rio Branco e Leste-Oeste também foram fiscalizadas hoje (23).

Foto: Vivian Honorato / N.Com

A base de contenção do túnel continua em construção, sendo este um dos processos mais complexos de todo o projeto, já que inclui os elementos de sustentação da estrutura principal da trincheira. “Estão sendo instaladas as vigas e estacas da parte de contenção do túnel, sendo que a pista que vem da Rio Branco passará pela parte de cima da trincheira. Por isso, a movimentação nessa área é grande. Posteriormente, após a parte das vigas e paredes, o túnel começará a ser escavado e chegará a alguns metros de profundidade. A obra é grande, repleta de serviços pesados e detalhes, incluindo pistas novas, calçadas, ciclovia, iluminação, renovação do sistema de drenagem, entre outros trabalhos”, citou.

Canhada pediu que os motoristas tentem ter paciência e respeitem as interdições e sinalizações feitas nos locais alcançados durante as obras. “Estamos tendo o maior cuidado possível para mexer com tubulações e intervenções de pista, para minimizar o impacto à população que transita ali, sem prejuízos aos comerciantes. Alguns transtornos, infelizmente, são necessários para que a obra saia, mas teremos um projeto moderno e de alta qualidade que beneficiará todo mundo. Londrina deve ganhar, no início de 2023, a maior obra de mobilidade urbana das últimas décadas, em um dos pontos de maior movimento da cidade”, concluiu.



com informação da Prefeitura de Londrina

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *