Prefeito Marcelo anuncia aumento de repasses para instituições no Dia Mundial do Idoso

0
Share

Para celebrar o Dia Nacional e Mundial do Idoso, o prefeito Marcelo Belinati anunciou uma série de melhorias e investimentos para esse público-alvo, na manhã desta sexta-feira (1º). Entre os anúncios estão a publicação de um edital liberando R$ 1.250.000,00 para as instituições que trabalham na proteção e na garantia e defesa dos direitos dos idosos; a reforma dos Centros de Convivência do Idoso (CCIs); e o aumento de 13,86% no valor do repasse municipal feito para cada idoso acolhido nas Instituições de Longa Permanência de Londrina (ILPIs).

Secretário do Idoso, Andrea Danelon e o prefeito Marcelo Belinati anunciam repasses. Foto: Vivian Honorato

As instituições atuantes na área foram convidadas para participar do anúncio feito pelo prefeito. Segundo o prefeito Marcelo Belinati, o foco de sua administração baseia-se no cuidado com as pessoas, por isso essas medidas fazem parte da atenção aos idosos.

“São recursos destinados às entidades para darmos todo amor, carinho, respeito e atenção aos idosos de Londrina. Temos obras importantes nos Centros de Convivência dos Idosos da região Leste e Oeste, estamos concluindo os projetos para a construção de um grande Centro de Convivência do Idoso na região central e também repassando recursos que darão apoio às instituições, que fazem um trabalho tão bonito. Às vezes, as pessoas de mais idade não têm a quem recorrer e buscar auxílio e é isso que a Prefeitura está fazendo: dando as condições às entidades parceiras da Prefeitura, para que elas possam atender a cada vez mais, os nossos idosos que tanto precisam”, disse o prefeito.

Entre os anúncios está a publicação do edital nº 001/2021 da Secretaria Municipal do Idoso (SMI), em que a Prefeitura de Londrina libera R$ 1.250.000,00. Por meio de um termo de fomento, as instituições que têm registro no Conselho Municipal do Idoso e que executam trabalhos de acolhimento e de atividades de cuidados e atenção à população idosa poderão receber repasses para realizar reformas, ampliação e melhorias em seus espaços físicos.

O edital nº 001/2021 foi divido em duas frentes de trabalho que são: Proteção Social Básica e a Proteção Social Especial de Alta e Média Complexidade. Poderão receber repasses de até R$ 100 mil as entidades que fazem parte dos serviços de proteção básica e de até R$ 125 mil as entidades que lidam com os acolhimentos de longa permanência, as ILPIs. As interessadas deverão apresentar um plano de trabalho, especificando a quantidade de pessoas atendidas e os trabalhos que deverão ser executados.

As instituições podem apresentar propostas para readequações nos ambientes para dar mais acessibilidade, segurança e conforto aos idosos, adquirir novos equipamentos e mobiliários, como camas, geladeira, fogão e outros itens necessários para o trabalho rotineiro. Também serão aceitas iniciativas que promovam medidas de prevenção, como campanhas para a mobilização, organização, protagonismo e que impactem diretamente a atenção à pessoa idosa; as ações de prevenção e apoio ao bem-estar e saúde; a confecção, elaboração e divulgação de material educativo e capacitação dos profissionais, familiares e demais pessoas que atuam diretamente com as pessoas idosas. O desenvolvimento de atividades esportivas, culturais, de lazer e demais áreas de prevenção e proteção aos direitos da pessoa idosa também terão apoio, assim como as ações que divulguem os direitos da pessoa idosa.

Foto: Vivian Honorato

Para a representante do Lar dos Vovôs e das Vovós, Maria Julia Dutra Barros, a abertura do edital vem em boa hora e ajudará a rede de serviços a se manter atuante. Segundo ela, com a pandemia, as doações diminuíram e o gasto das instituições de modo geral aumentou muito, principalmente com as despesas em geral, compra de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), pagamento de salários de funcionários, porque muitos se afastaram devido à Covid-19 e outros precisaram fazer muitas horas extras. “Vem em boa hora, para acudir as necessidades de cada instituição. Nós somos muito agradecidos, porque, agora, teremos um fôlego para atender a demanda financeira da instituição. Já temos também dois projetos prontos e aprovados no conselho para concorrermos no edital, para reformas e compra de equipamentos. Estamos na fase de troca de pisos, que são antigos e queremos instalar aquecimento solar”, disse a representante do Lar dos Vovôs e das Vovós.

Entre os serviços que poderão participar desse chamamento estão as Instituições de Longa Permanência e de acolhimento, como o Asilo São Vicente de Paulo; o SEPS – Lar dos Vovôs e das Vovós; o Lar Maria Tereza; a Casa do Bom Samaritano; a Cáritas – Projeto de Serviço de Proteção Social Especial para Pessoas com Deficiência, Idosos e suas Famílias, entre outros. Esse valor é proveniente do Fundo Municipal do Idoso de Londrina, que recebe doações e a destinação do Imposto de Renda devido de pessoas físicas e jurídicas, anualmente.

Foto: Vivian Honorato

Aumento no valor dos repasses – Ainda pensando em melhorar o atendimento que vem sendo realizado à população idosa de Londrina, o prefeito Marcelo Belinati e a secretária municipal do Idoso, Andrea Ramondini Danelon, anunciaram o aumento de 13,86% no valor destinado às instituições conveniadas à Prefeitura de Londrina.

Esse incremento começará a valer a partir de janeiro de 2022, sendo que os valores saltarão de R$ 1.941,59 para R$ 2. 217,98 por vaga para idoso, em Instituições de Longa Permanência (ILPIs). “Reunimos toda rede de atendimento e tivemos o anúncio do valor das metas, que são as vagas para os idosos que estão no serviço de acolhimento. Graças aos esforços conjuntos, em 2020, o Município de Londrina conseguiu aumentar 24 vagas disponíveis em ILPIs para a população idosa”, pontuou a secretária municipal do Idoso, Andrea Ramondini.

Atualmente, com as 24 novas vagas disponíveis na Casa do Bom Samaritano, Londrina conta com 226 vagas em instituições conveniadas ao poder público municipal. “Eu como secretário, acompanho o trabalho da Andrea e vejo o amor que ela tem com os idosos de Londrina e o quanto ela se dedica a melhorar a estrutura para eles. Só temos que parabenizá-la hoje e sempre pelos esforços e trabalho que vem desenvolvendo”, reconheceu o secretário de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, Marcelo Canhada.

Durante a oportunidade, Canhada disse que o aumento no valor dos repasses em 10% estarão disponíveis nos meses de novembro e dezembro deste ano. Já a partir de janeiro de 2022, eles alcançarão os 13,86%.

Reforma dos CCIs – A Prefeitura de Londrina também informou que investirá R$ 700 mil em reformas realizadas nos Centros de Convivência do Idoso da Região Oeste (CCI Oeste) e no da Região Leste (CCI Leste). Esses espaços poderão receber adaptação das rampas de acesso, retificação de portas e janelas que estão quebradas, a instalação de corrimão na escada que leva ao palco, assim como de calhas para captação da água da chuva, pintura interna e externa, reparos na parte elétrica e readequação do espaço externo para possibilitar a prática de atividades físicas ao ar livre. Os CCIs já receberam melhorias na climatização dos ambientes com a instalação de aparelhos de ar-condicionado. O montante para obras advém de uma emenda parlamentar do deputado federal Ricardo Barros.

Para o secretário de Governo, Alex Canziani, todas as ações demonstram o cuidado da Prefeitura de Londrina com a população idosa. “O Brasil ainda não se conscientizou que a população está envelhecendo e que precisa investir nessa questão demográfica. É fundamental que tenhamos ações como essas, porque elas atendem ao público idoso e dão a atenção que eles merecem. Fico feliz em ver isso em Londrina”, disse Canziani.

Programação – Além desses importantes anúncios, os idosos terão uma programação completa de atividades, para eles comemorarem o Dia do Idoso durante o mês inteiro. Estão previsto diversos passeios com caminhadas e aulas de alongamento, tarde de saúde e recreação, e atividades repassadas pelos grupos de Whatsapp. A secretário do Idoso lembrou que todas as ações seguem os protocolos sanitários como o uso obrigatório de máscara de proteção facial, higienização das mãos com álcool em gel a 70% e o distanciamento social.

No dia 4 de outubro, das 14h às 16h, haverá uma teleconferência com a Central Judicial do Idoso sobre seu funcionamento e os desafios do envelhecimento populacional. Deve participar a juíza Monize Marques, que é a coordenadora da Central Judicial do Idoso do Distrito Federal, sendo o encontro pelo Google Meet.

No dia 14 de outubro, às 14h, haverá o programa tarde da saúde com o circuito Unicesumar. No dia seguinte, 15 de outubro, às 8h30, terá o programa de lazer para os idosos com o circuito “Eu amo Londrina CCI Norte”. O ônibus sairá do Centro de Convivência do Idoso da região Norte com o destino ao Lago Norte. A programação prevê atividades recreativas ao ar livre e aula de alongamento.

No dia 17 de outubro, a Orquestra Sinfônica da Unicesumar, parceira da Prefeitura nas atividades do mês do idoso, fará uma apresentação gratuita para a população no Zerão.

No dia 25 de outubro, das 9h às 21h, haverá o Drive-thru agendado, para realizar o credenciamento do estacionamento especial para idosos, em parceria com a Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU).

No dia 26 de outubro, às 14h, terá a teleconferência sobre os impactos da pandemia nas Instituições de Longa Permanência para Idosos de Londrina. O público-alvo são os representantes das ILPIs e das casas de repouso. A conferência será on-line pelo Google Meet.

Quem quiser ter acesso a programação completa pode enviar uma mensagem por meio do Whatsapp da Secretaria do Idoso (43) 3375-0307 ou acessar o site oficial da SMI (https://portal.londrina.pr.gov.br/a-secretaria-idoso).

Estiveram presentes na solenidade também a secretária municipal de Políticas para Mulheres, Liange Doy Fernandes; secretário de Trabalho, Emprego e Renda, Gustavo Santos; a Diretora de urgência e Emergência em Saúde, Valéria Cristina Almeida de Azevedo Barbosa, representando o secretário de Saúde, Felippe Machado; o chefe de gabinete, Moacir Sgarioni; o vice-prefeito, João Mendonça; as vereadores Sônia Gimenez e Lu Oliveira; o diretor do Campus Londrina da Unicesumar, Carlos Henrique Vici; além de representantes de todas as instituições parceiras da Prefeitura no atendimento aos idosos.



com informação da Prefeitura de Londrina

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *