Prefeito sanciona lei que cria o Dia do Turismo em Londrina

0
Share

Em reunião realizada nesta sexta-feira (1º), no gabinete do prefeito Marcelo Belinati, foi assinada a Lei Municipal nº 13.275, que institui o Dia do Turismo em Londrina. A data passará a ser celebrada, anualmente, no dia 8 de maio, sendo incluída ao calendário de comemorações oficiais do município. O encontro contou com a presença do vereador Matheus Thum, autor do projeto de lei (PL) de criação do novo dia comemorativo, do presidente do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel), Bruno Ubiratan, e da presidente do Conselho Municipal de Turismo de Londrina (Comtur), Roberta Zulin, além de integrantes de entidades representativas deste setor e lideranças do Executivo.

O novo Dia do Turismo é uma demanda de toda a rede ligada ao segmento na cidade, unindo poder público e privado, representadas pelo Comtur. O objetivo é buscar o fortalecimento do turismo na região, estimulando o debate sobre construção de agendas e criando um dia simbólico para a realização de atividades culturais, eventos e iniciativas. Assim, esta lei veio para ampliar as possibilidades de geração de emprego, renda e tributos a Londrina, trazendo frutos positivos para a economia e, consequentemente, proporcionando mais qualidade de vida à população. A data, agora em âmbito municipal, corresponde ao Dia Nacional do Turismo, comemorado em 8 de maio, estabelecido pela Lei nº 12.625/2012.

Foto: Emerson Dias / N.Com

O prefeito Marcelo ressaltou que a união entre as entidades e o poder público é imprescindível para a construção de um setor turístico forte, produtivo e valorizado pela cidade. “Londrina é uma cidade diferenciada, de tantos potenciais em vários pontos, e o nosso turismo abrange 571 atividades econômicas distintas. É necessário aproveitar esse universo, é o que estamos fazendo junto aos segmentos dessa área. O trabalho de retomada do turismo, eventos e atividades já começou e ganhará mais potência. Desde que assumimos a gestão, pensamos no turismo como política fundamental para alavancar a economia, reduzimos a cobrança de ISS para estimular o setor de eventos, que sofreu na pandemia, criamos um vídeo institucional de Londrina e estamos incentivando várias ações em prol da cidade para valorizar o turismo cada vez mais”, disse.

Foto: Emerson Dias / N.Com

Segundo o presidente da Codel, Bruno Ubiratan, Londrina vem crescendo no turismo nos últimos anos e tem potencial para levar o segmento a um patamar ainda mais elevado. “Londrina é certificada hoje com o Selo A do Mapa Turístico Brasileiro, sendo uma das únicas três cidades paranaenses a alcançar essa categoria, junto com Foz e Curitiba. Londrina tem mais de cinco mil leitos de hotel, uma rede de bares e restaurantes que é referência, eventos culturais e artísticos variados de grandeza, entre tantas outras iniciativas. A Codel e a rede de turismo local estão unidas, mais do que nunca, para proporcionar avanços, trazer eventos, captar recursos, criar iniciativas e trazer mais empregos e renda para cá. Temos a Câmara Municipal junto nessa empreitada, e a lei proposta pelo vereador Matheus Thum é de grande importância para valorizar as pautas do turismo”, afirmou.

Para o vereador Matheus Thum, autor do PL que viabilizou o Dia do Turismo em Londrina, a iniciativa tem como proposta unir forças para extrair o que a região tem de melhor. “Uma das primeiras coisas que fiz quando fui eleito vereador foi sentar e conversar com os representantes do turismo local, e percebo como os diálogos estão sendo construtivos nos últimos anos. Muita gente pode esquecer, mas o turismo é de extrema importância e ligado a diferentes áreas e tem tudo a ver com emprego, renda e fortalecimento do nosso comércio. Apenas na área de bares e restaurantes temos mais de 20 mil funcionários trabalhando. Com a cidade evoluindo em várias frentes, temos um cenário promissor para o turismo crescer também, principalmente quando a pandemia passar. A lei vem para levantar os debates e trazer mais elementos de soma às potencialidades de Londrina. É uma alegria enorme estar aqui hoje”, celebrou.

Foto: Emerson Dias / N.Com

Por sua vez, a presidente do Conselho Municipal de Turismo de Londrina (Comtur), Roberta Zulin, enfatizou que a nova data reafirma o turismo como um vetor econômico relevante e impulsionador da criação de emprego e renda. “O turismo é necessário, pois traz a sensação de pertencimento à cidade, ajuda a valorizá-la em muitos aspectos. Nosso setor foi prejudicado na pandemia mas vem se reerguendo e mostrando soluções na retomada. Queremos, com todas as entidades, colocar Londrina de volta ao papel de destaque no roteiro de eventos estaduais e nacionais, favorecendo a vinda e estada dos visitantes, é preciso cativar e mostrar aos turistas que a cidade tem potenciais. Hoje são 23 empreendimentos no ramo hoteleiro, uma área de gastronomia muito forte, turismo de lazer e compras, de aventuras e rural, enfim, uma gama vasta para abraçar nossos cidadãos e quem vem de fora”, apontou.

O discurso foi reforçado pela diretora do Londrina Convention Bureau, Herika Galli, que também prestigiou a sanção da lei municipal. “Nosso setor vem avançando, as entidades estão com força e se desdobrando em busca de novas ações em prol do turismo. O prefeito vem sendo sensível e está conosco, assim como a Câmara, e continuaremos trabalhando e de portas abertas para construir mais e mais projetos que possam alçar Londrina ao patamar que merece”, ressaltou.

Também participaram do encontro de assinatura, hoje (1º), o chefe de gabinete da Prefeitura, Moacir Sgarioni, o secretário municipal de Governo, Alex Canziani, os vereadores Beto Cambará e Chavão, entre outras lideranças de entidades e instituições do setor de turismo e eventos.

Natal 2021 – O presidente da Codel, Bruno Ubiratan disse que Londrina terá um Natal 2021 com muitas festividades, atrações e enfeites. “Os preparativos do Natal deste ano começaram logo que o de 2020 foi encerrado. O planejamento está sendo muito produtivo, teremos muitas decorações, incluindo ações do setor privado, com luzes, enfeites e árvores no Lago Igapó, em rotatórias e outros pontos de Londrina, junto aos letreiros já existentes. O Natal será bonito e repleto de atrações culturais para a população, algo que ajuda a aumentar a autoestima da cidade e a atrair mais visitantes”, frisou.

Ainda segundo Ubiratan, Londrina também ganhará os novos pedalinhos para o Lago Igapó II, que estão em fase de licitação. “A expectativa é de lançarmos isto até o final do ano, com desejo de já ter o funcionamento até o Natal, se tudo correr bem. Com isso, Londrina poderá receber milhares de pessoas da região para momentos de lazer com a família”, completou.



com informação da Prefeitura de Londrina

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *